Apesar de esperar-se que exista umretrocesso no incumprimento das dívidas emPortugal, a falta de cumprimento das empresas e famílias portuguesas vai continuar a ser dasmais elevadas empercentagemdo PIB.No caso das empresas, a dívida é maior do que antes da crise.

Existem factores determinantes como a concessão de crédito, a criação de emprego e o crescimento económico que reduzem o incumprimento.

A área de prevenção de incumprimento da Segestion utilizamúltiplas ferramentas, meios e mecanismos para salvaguardar estas situações.

Existe um vasto portefólio de soluções disponíveis, entre as quais DuarteMoreira destaca a introdução de umcarimbo alertando para a gestão da Segestion, as informações comerciais, cada vezmais importantes, e a introdução de meios de pagamento diferenciados como a referência multibanco, cartão de crédito ou payshop, plataformas de notificação de atrasos de pagamentovia SMS,ouos avisos formais de cortes de crédito, de início da gestão de cobrança extrajudicial iminente em caso de incumprimento.


A prevenção trata de conhecer as dificuldades e muitas vezes identificar as deficiências dos nossos clientes, para poder aportar os 34 anos de experiência na cobrança de dívida comercial, agilizando os prazos da conta-corrente, possibilitando que se encaminhem apenas os processos de dificuldade acrescida com a maior celeridade possível.


O FAZER PARA MINIMIZAR O INCUMPRIMENTO

  • A nível bancário, informar e esclarecer clientes é essencial. Regular, foi inevitável como é exemplo o PARI ou o PERSI. Maior rigor sobre a elegibilidade na concessão de crédito;
  • Nas empresas, é essencial criar uma política de concessão de crédito, não vulnerável às necessidades do departamento comercial;
  • Dotar as empresas de meios e ferramentas que permitam gerir os prazos de pagamento, conhecer melhor os seus clientes, e antecipar o incumprimento;
  • Diferenciar de forma eficaz o atraso de pagamento de uma dívida e agir com a maior brevidade.

DUARTE MOREIRA
DUARTE MOREIRA
consultor sénior da Segestion
www.segestion.pt

Uso de cookies

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies